22 de fevereiro de 2015

Do livro ao filme: Cinquenta Tons de Cinza

Olá pessoal, como estão?

Há dois anos, pude conferir de perto a história do tão polêmico "Cinquenta Tons de Cinza" e tirar as minhas próprias conclusões a respeito dele. Também fiz um post aqui no blog e li várias comentários diferentes em resposta à minha crítica, o que acredito ter sido uma experiência bem positiva com os meus leitores. Pra quem não conferiu o post e quer dar uma olhadinha, clique aqui

Ontem (21.02), fui com duas amigas conferir a adaptação cinematográfica de "Cinquenta Tons de Cinza". Devo adiantar para vocês que, depois que comecei a ler alguns livros mais eróticos (não me julguem, ok?! rs), achei o dito cujo um pouco sem graça, pois além de ser quase que um fanfic de Crepúsculo, o tema sadomasoquismo não é exatamente o tipo de romance hot que me agrada.


Aposto que vocês devem estar se perguntando por qual motivo então eu fui assistir ao filme no cinema, não é mesmo? Pois bem, desde que eu fiquei sabendo que o livro ganharia uma adaptação cinematográfica, fiquei louca para saber como é que o filme seria, se eles iriam filmar cenas explícitas, colocar a classificação indicativa para maiores de 18 anos e tudo o mais. 

Fiquei chocada quando descobri que a classificação indicativa seria de 16 anos, mas depois pensei bem e concluí que, com tantas cenas de sexo que aparecem na TV em horário em que muitas crianças estão na sala assistindo, como em novelas e principalmente em minisséries da Globo, que possuem cenas super hots e explícitas e também aquela palhaçada toda que está rolando no BBB deste ano, onde os casais andam fazendo sexo a todo momento, sem proteção e sem se preocupar com as câmeras filmando eles, o filme seria apenas mais uma coisa que, infelizmente, vários adolescentes de 16 anos (e até menores do que essa idade) já estão acostumados de ver. 

Bom, voltando para o filme, assim que ele começou, até brinquei com as minhas amigas, imitando o Catra falando "vai começar a putaria", porque com tanta gente querendo assistir ao filme, me passava isso na cabeça, de que o filme só teria várias cenas de sexo mesmo, como no livro. Infelizmente (ou felizmente, não sei), todas as cenas de sexo foram bem de boas, colocaram músicas por cima para que não ouvíssemos os "sons durante o sexo" e também não era algo explícito. Deu pra ter uma visão do corpo da Anastasia, com direito a imagens do corpo inteiro nu, mas quanto ao Christian, apenas víamos a parte de cima dele, e, às vezes, a bunda. E só. Toda a "putaria" se resumia a cenas não explícitas e acredito que as pessoas que foram ao cinema a procura de uma experiência erótica nas telonas, saíram bem decepcionadas. Acredite, assista a próxima minissérie da Globo... com certeza será bem mais pesada.


Contudo, o que acredito ter feito as pessoas se interessarem pela história de Cinquenta Tons, é o lance do Sadomasoquismo. A maioria dos casais não possuem relações de dominador e submissa, mas tem curiosidade em saber como funciona essa coisa toda. Como eu disse na resenha dele, esta história é considerada "mommy porn", pois várias mulheres casadas querem delirar com um homem impressionantemente arrebatador como Gray, que faz coisas bem diferentes na cama do que elas fazem em seus casamentos que, muitas vezes, está passando por um momento "água com açúcar". 

Vale ressaltar também que, Cinquenta Tons de Cinza, não é apenas uma história erótica e sim uma história de amor. É muito bonito ver que o amor pode mudar as pessoas, fazer elas superarem um passado conturbado (no caso de Gray) e seguir em frente com a vida ao lado da pessoa amada. Christian realmente sente algo diferente, que jamais sentiu com outra mulher, ao conhecer Anastasia. 

Gostei muito da seleção dos atores, acho que Jamie Dornan e Dakota Johnson interpretaram muito bem os protagonistas. Não deve ser fácil fazer esse tipo de filme, se expor tanto assim como a Dakota se expôs, e com certeza eles fizeram isso com muita maestria. Mas, do que eu gostei mesmo foi da trilha sonora! Até agora estou cantando o refrão de Love Me Like You Do, da Ellie Goulding, acreditam? Aliás, para encerrar este post, deixo o clipe da música para vocês se deliciarem. Na minha opinião, ela traduz exatamente a história de Anastasia e Christian.




Beijos, 


18 comentários :

  1. Oie Carol
    eu gostei muito do filme. Na verdade, achei muito melhor que o livro, mesmo deixando partes importantes de fora.
    E a trilha sonora foi um espetáculo. Eu amo a música que toca no final. Não sai da minha playlist.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  2. Sabe... percebi que o filme nem é tão "sexual" assim. Foca mais no romance. E isso é bom... não li nem vi, pelas críticas parece ser horrível, mas quem sabe, quando eu ver, eu goste! Parabéns pelo post.
    Seguindo :D
    Adorei aqui! Beijos,
    whoosthatgirrl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Apesar de você afirmar que não é apenas uma história sobre sexo, mas também uma história sobre o amor, não tenho vontade de conferir. Não sou chegado nem a romances, menos ainda romances hots.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de fevereiro. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  4. Eu fiz um post lá no meu blog também sobre o filme e tive a impressão que você: eles não focaram na parte erótica do livro. Construíram uma história de amor em cima do que o livro propõe, tudo isso, provavelmente, pra vender ainda mais e pessoas de (quase) todas as idades pouderem conferir.

    Particularmente, eu gostei mais do filme do que do filme.

    ResponderExcluir
  5. Eu AMEI o filme!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Beijos;)
    * Blog da Pâm

    ResponderExcluir
  6. Amiga pra falar a verdade já vi tanta gente falando desse filme nos Blogs que sinceramente já até enjoei rs
    Mas mesmo assim eu gostei do que você falou do filme, embora eu não tenha assistido e nem lido o livro. Eu sinceramente não curto esse gênero. E nem tenho interesse de avaliar. Acho que foi tão polêmico os livros que o filme acabou indo junto. E para vc ter uma ideia, em londres até aumentou os casos de abusos sexuais por conta do filme sabia ? Passou até no jornal. Fiquei de boca aberta. =O

    Mas mesmo assim gostei de tudo que vc elaborou sobre o filme
    Sucesso sempre linda

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Li a obra ainda quando era apenas uma fanfic de Crepúsculo e não o fenômeno que se tornou. Quando soube que ia virar filme já achei que seria cheio de cenas explicitas como no livro, mas fiquei feliz de saber logo quando começaram as gravações que teria uma pegada mais romântica, pois mesmo que muitos julgam, ainda há uma história de amor na obra e é ela que foi para as telonas. Após ler a sua opinião só fiquei mais curiosa para assistir ao filme, pois acho que vai ser realmente da forma que imaginei.

    http://blogquerida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Tenho lido taaaaanto sobre que parece que eu sei a história, hehehehe. Vou te contar que nunca me chamou atenção a leitura, mas tenho uma curiosidade de ver no cinema sim!
    Adorei tua crítica, provavelmente olharei com outros olhos!
    beijocas

    rendasepaetes.com

    ResponderExcluir
  9. Sua resenha foi a melhor EVER! Adoei a forma como retratou <3
    Ainda não assisti, mas já vi grandes resenhas negativas :c

    www.iamcamilakellen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Então pelo o que li você gostou do filme certo? Eu achei razoável, e concordo com o fato de que muita gente foi louca(o) varado no cinema esperando ver pornografia em primeira mão, fiquei super feliz deles não colocarem o taaaanto de cena de sexo que tem no livro porque se não neh???Num ter história, e sinceramente achei o filme melhor que o livro, porque pra mim o livro não tem um enredo ou um objetivo afim, e a história é muito pobre. E o filme conseguiu pegar o que tinha de legal no livro e colocar nas telonas.

    Eu gostei do elenco mas pra mim a Dakota levou o filme nas costas, achei a atuação do Jamie meio ....
    A trilha sonora foi legal, mas a parte apenas instrumental eu não curti, porque me senti ouvindo musiquinha de elevador kkkkkkk

    Mas enfim, cada um tem uma visão do livro/filme e com certeza o interesse de tanta gente nisso tudo foi o fator sado, eu prefiro outros romances mas eu li mesmo porque queria saber o que tinha de tanto alarmante !!

    Paradise Books || @ParadiseBooksBr
    xoxo ♥♥

    ResponderExcluir
  11. Oi Carol, já ouvi muitos comentários que o filme não mostra metade do que o livro nos trás, não sei se isso é bom ou não... mas enfim, li os livros logo quando tava toda aquela euforia do lançamento desses livros eróticos. Concordo com você que em relação ao erotismo, é bem sem graça, mas gosto muito do romance dos protagonistas. Estou ansiosa para ver o filme, espero fazer isso em breve :D

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Carol, tudo bom? Desde que 50 tons lançou foi uma polêmica que só, muita gente falando mal e poucas pessoas falando bem. Confesso que já tive curiosidade em ler só pra tirar minhas próprias conclusões, porém fiquei com medo de gastar meu dinheiro com um livro que eu fosse odiar depois.
    Ainda não vi o filme, mas pretendo ver em breve. Eu achei o trailler muito bem feito e me interessei demais pela história! Quem sabe logo eu tenha a oportunidade de assistir ao filme.
    Adorei o post :3
    Beijos, lendocomabianca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Eu ainda to pensando se vejo 50 tons ou não. Achei o livro de péssimo gosto, então não sei se vale a pena ir só para falar mal. A única coisa que tem me agradado, e parece ser unanimidade, é a trilha sonora. Realmente muito boa.

    Bjs, @dnisin
    www.seja-cult.com

    ResponderExcluir
  14. Ainda não assisti o Filme e também não li o Livro, mas é tanta crítica sobre ele e muitas ataques negativos que ando pensando em ler e conferir o Filme!
    Uma verdade que concordo com Você: Tem tanta coisa inapropriada rolando na televisão que não me impressionei do Filme ser proibido apenas para menores de 16 anos!
    Estou viciada na Trilha sonora! kkkkkkk :D
    Essa música da Ellie ta demais! :D

    Beijinhos e até logo! ^^
    https://worldofmakebelieveblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  15. Oi Caroline, tudo bem?
    Acho que sou uma das poucas que não quer conferir o filme. Eu não curti o livro, e apesar do filme ter sido adaptado de uma forma bem leve, eu não tenho vontade de assistir. Mas vou conferir a trilha, pois acredito que esteja muito boa, essa música da Ellie é linda.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    http://amanda-almeida.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oie Caroline =)

    Não li os livros e ainda estou pensando se vou assistir ao filme. Tanto na época do lançamento dos livros como agora é tanta gente falando disso uns amando outros odiando que eu meio que peguei "birra" sabe rs...
    A única coisa que eu gostei foi da trilha sonora do filme.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  17. Oi Caroline, tudo blz?
    Vou te contar eu assistir o filme o que eu mais gostei dele foi a trilha sonora que na minha opinião foi perfeita, quando ao filme eu não gostei... sei lá achei a escolha do ator ruim, ele não tem o charme necessário para o Sr. Grey, estava louca pra sair correndo do cinema antes de acabar...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


    IG: @simplesmentedanny
    Simplesmente Danny
    Simplesmente Danny no facebook
    Grupo Reeducação Alimentar Entre Amigas - Simplesmente Danny”
    +SimplesmenteDanny

    ResponderExcluir
  18. Depois que eu vi o trailer do filme, deu ate vontade de ler o livro rs visita meu blog por favor http://morenabranquela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Críticas são importantes, até mesmo as negativas! Então, não deixe de criticar por aí!