27 de julho de 2013

Falando sobre filmes: O Cavaleiro Solitário

Olá pessoas, tudo bem?
Na semana passada, o primeiro post da coluna foi postado em uma segunda-feira, mas o dia certo da minha coluna aqui no blog é de sábado - ou no domingo! -, então fiquem ligados!  O filme que escolhi para falar sobre é O Cavaleiro Solitário. Espero que gostem!


O Cavaleiro Solitário é um filme inspirado na série antiga que foi estreada nos anos 30 com o mesmo nome, mas, no Brasil era mais conhecida como "Zorro, O Cavaleiro Solitário". A série contava a história de um ranger ("polícia" do antigo texas) que após ter sido atacado junto de seus outros companheiros, usa uma máscara para que os criminosos continuassem achando que este havia morrido, e assim, poderia buscar vingança. Isso me chateia um pouco, pois mostra que os enredos cinematográficos não são mais tão criativos como ja foram e que os roteiristas tem dificuldade de criar novas histórias, apelando assim para aquelas que já existiam e, no caso, fizeram sucesso na época, porém não tendo a certeza de que farão sucesso atualmente. 
O filme foi dirigido por Gore Verbinski (vencedor de Oscar pelo filme Rango), possuindo 3 roteiristas e na música, contou com o astro das trilhas sonoras, Hans Zimmer (trilogia Batman, trilogia Piratas do Caribe). O filme teve sua estréia no Brasil no dia 18 de julho de 2013.


Tonto (Johnny Depp, Piratas do Caribe) é um indio guerreiro norte-americano, que agora já  velho, está em um circo e narra a história de como John Reid (Armie Hammer, J. Edgar) se tornou o famoso justiceiro mascarado do velho oeste, O Cavaleiro Solitário, e como ambos (índio e cavaleiro) formaram essa dupla que combatia os criminosos da época.
John Reid é um advogado, que está voltando para sua cidade natal onde mora seu irmão Dan (James Badge Dale, Guerra Mundial Z) mas, no trem em que está, alguns vagões á sua frente, estão sendo transportados o criminoso líder de uma gangue chamada Butch Cavendish (William Fichter, Equillibrium) e o índio Tonto. Após ver que o trem está sendo atacado pela gangue de Butch, John tenta impedir mas não consegue e o criminoso foge, fazendo com que John, Dan e os outros rangers da trupe de seu irmão vão á caça do criminoso. O que os rangers não esperavam era que Butch havia armado uma armadilha para os texas rangers. Tonto chega até o local de ataque mas todos os texas rangers estão mortos a não ser John, que é escolhido por um cavalo (símbolo espiritual para os indios) para ser o ajudante de Tonto em sua missão que poucos conhecem.
O enredo do filme não é ruim e sim simples mas, como disse anteriormente, não há novidade alguma. O que mais me decepcionou no filme é a atuação de Johnny Depp, não que tenha sido ruim, mas, para a proposta do filme, ele acabou usando vários trejeitos, caras, olhares e etc. do personagem Jack Sparrow e isso não inova nada para o ator, além de você já notar de cara que é basicamente a mesma pessoa. Armie Hammer possui uma atuação mediana, ou seja, não é um grande ator com grandes interpretações,  mas está na sua linha de habilidades cênicas.


No geral, o elenco é bom. São atores que mais atuam como coadjuvante, mas também temos Helena Bohan Carter (Belatrix, Harry Potter e a Ordem da Fênix) como a cafetina Red, William Fichter que está irreconhecível com a maquiagem feita nela, Barry Pepper (Soldado Daniel Jackson, Resgate do Soldado Ryan) como Capitão Jay Fuller e Tom Wilkinson (Carmine Falcone, Batman Begins) como Latham Cole. O filme teve a participação dos criadores de Piratas do Caribe, mas mesmo assim, nem essa propaganda, nem a participação de Johnny Depp, foi o bastante para o filme ir bem nas bilheterias, indo bem abaixo do esperado e sendo u pesadelo para a Disney, já tendo a previsão de ter sido um grande fracasso de bilheteria rendendo cerca de 100 milhões a menos do que custou o filme.
Por fim, O Cavaleiro Solitário não é um filme ruim, e sim um filme bom com ação, aventura e elementos cômicos como em Piratas do Caribe. Na verdade, é um ótimo filme para entretenimento, levando á uma diversão agradável à quem assiste sem compromisso nenhum, mas, tecnicamente falando, deixa à desejar.

Até o próximo post!
Arthur. 

23 comentários :

  1. Olá!!
    td bom?
    Ameeei seu blog. muito lindo.
    ja to te seguindo :)
    Ah,estou criando um mangá e fiz um blog pra divulgar,se puder venha visitar,seguir,ou comentar?

    gliter-lovely.blogspot.com.br

    bjjjoooos ♥
    Te vejo lá^^

    ResponderExcluir
  2. Oii!!
    Quero muito assistir ao filme, venho criando bastante expectativa com relação a ele! E se contem ação e humor já fiquei animada! Sem contar que o elenco é ótimo! <3
    Beijos

    ELidiane
    Leitura entre amigas

    ResponderExcluir
  3. Eu quero ler, mas não é a primeira crítica que vejo que não é necessariamente positiva.

    Beijos,
    Carissa
    www.carissavieira.com

    ResponderExcluir
  4. São atores muito bons, fiquei curiosa pra assistir. Mas pelo jeito o Johnny não mudou muito do Jack sparrow. Não deve ser muita novidade, mas ainda sim estou curiosa.
    Estou seguindo aqui, se puder de uma visitinha no meu blog, beijos.
    página: Carol Ferreira

    ResponderExcluir
  5. Adoro qualquer filme que tenha o Johnny, sou muito fã dele.
    desde o tempo em que ele atuou no filme Férias do Barulho.
    Ainda não assisti, mas pretendo ver logo.
    Essa atriz e o Johnny são perfeitos juntos. Adoro!
    Caixinha de Correios #23.
    Confere lá!
    Manuscrito de Cabeceira
    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Não tenho lido nem escutado coisas muito boas sobre esse filme mesmo...

    E quanto à criatividade dos roteiristas em nosso tempo moderno, concordo contigo.
    Estão raros os roteiros originais que não se baseiam em filmes antigos (gerando reboots), ou estórias antigas ou algo já existente.
    Ou simplesmente continuações.
    Parece que tudo hoje é adaptação de livro, HQ ou coisa parecida.
    Não que seja ruim, mas os roteiros originais que marcam a sétima arte, fazem falta.

    Enfim, gostei do blog e estou seguindo, ok?

    Uma boa noite.

    ResponderExcluir
  7. Eu simplesmente amo o Johnny Depp, é o meu ator favorito, fiz aquele post lá no blog pra ele... Mas confesso que desde que vi o trailer não esperei grande coisa, por dois motivos: um, ninguém mais curte esse tipo de filme faroeste, essa é a verdade. E dois, ele tava igualzinho o Jack! Lembra aquele cena no Baú da Morte que os nativos lá querem assar ele e libertá-lo da forma humana? Pois é, rsrs, pegaram aquele figurino e botaram nesse filme...

    Mas mesmo assim eu assistiria e riria, afinal ver o Johnny Depp em ação é uma beleza. O filme sendo ruim ou não, de uma coisa eu tenho certeza: ele continua sendo talentoso.
    Adorei a coluna!

    Abraços!

    http://pecasdeoito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Estou tão animada pra assistir esse filme! Vi na resenha que o filme "deixa a desejar" mas ainda assim quero assistir pra poder conferir eu mesma, haha.

    Beijos! s2
    http://www.quaseatoa.com/

    ResponderExcluir
  9. Eu pensei até em assistir porém não me impressionou.
    Acho que não deve ser bom.
    Seu blog é lindo viu flor. Te convido a conhecer o meu.
    Bjoo

    Jél

    mydiarybyjessi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá!

    Bem, ainda não vi o filme e provavelmente não o verei no cinema, pois meu tempo está mais do que corrido. Não fosse pela tecnologia, nem sei como faria para atualizar minhas postagens. Hehehe!

    Johnny sempre arrasando, hum? AMO.

    xoxo

    Books & Emotions
    http://books-and-emotions.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Só por ter a Helena Carter e o Johnny Depp achei que fosse uma obra de Tim Burton e me enganei. Até acho que se fosse seria mais empolgante, diante sua resenha rsrs Mas ainda tenho curiosidade pra assistir...
    Beijos
    Estou seguindo seu blog ♥
    http://queridosquinze.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Vim visitar seu cantinho e resolvi ficar, descobrir coisas que não vejo comumente, aprendendo um pouco com vc.
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
  13. Ainda não vi o filme, espero conseguir fazer logo. :D
    Adoro os filmes com o Deep, são sempre muito malucos. haha
    beijos
    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Olá :)

    Adorei a crítica. Eu curti muito esse filme, o Johnny Depp é o cara :)

    Beijos,
    www.segredosentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  15. A única coisa me me faria assistir esse filme é o Johny, porque não gosto muito dessa categoria e a história é meio batida já né?! Enfim, gosto muito dele, e acho que ele pode brilhar mesmo em filmes que "deixam a desejar" como é dito na resenha. Beijos!
    http://www.geracaoglam.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oie Carol
    eu amo o Deep. Nuss, é meu ator favorito ever. Mas jack sparrow é um personagem que o marcou para sempre, vai ser difícil fazer um papel que irá tirar a imagem que eu tenho dele como o pirata, se bem que eu o acho o ator mais eclético ever.
    Quando vi o anúncio desse filme logo pensei: caramba, outro piratas do caribe? mas notei que era diferente, e esse lance cawboy me deixou mega ansiosa e curiosa para assistir.
    Espero assistir em breve. òtima crítica
    bjos

    ResponderExcluir
  17. Zorro... Pra falar a verdade nunca gostei dele (rsrs).♥

    PiinkCookie.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Acho que o faz o filme é o próprio lindo Johnny, heheheh
    To dooooida pra ver!!
    Beijocas

    ResponderExcluir
  19. Já estava curioso para ver o filme antes (adoro Johnny Depp), e após sua crítica quis conferi-lo imediatamente!!
    Abraço,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  20. Euu adoreii o filme!
    Vi muita gente reclamando que era muito inspirado no Piratas do Caribe e tals, mas mesmo assim eu curti sim.
    Amoo o Depp kkkkkk

    Bjosss
    www.blogobabado.com

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. Eu quero assistir o filme por causa de Deep, adoro o trabalho dele, vamos ver se vou gostar... valeu pela dica ;)
    Beijos!!
    http://annereviews.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Críticas são importantes, até mesmo as negativas! Então, não deixe de criticar por aí!