19 de agosto de 2013

O Oceano no Fim do Caminho - Resenha Crítica

Bom dia pessoas, como estão?

Finalmente estou aqui com uma resenha pra vocês, pois ultimamente, quem está mais na ativa por aqui é o Lucas e o Arthur! Enfim, hoje vai ser um pouco diferente a forma como irei "resenhar" esse livro, ok? Haverá a sinopse e, em seguida, os meus comentários. Logo mais vocês vão saber o motivo disso!





Título: O Oceano no fim do caminho

Autor: Neil Gaiman

Editora: Intrínseca

Número de Páginas: 202

Avaliação do Conteúdo: 3/5
                       Capa: 5/5
                       Diagramação: 5/5

Onde encontro? aqui, por R$19.90




Sinopse

Foi há quarenta anos, agora ele lembra muito bem. Quando os tempos ficaram difíceis e os pais decidiram que o quarto do alto da escada, que antes era dele, passaria a receber hóspedes. Ele só tinha sete anos. Um dos inquilinos foi o minerador de opala. O homem que certa noite roubou o carro da família e, ali dentro, parado num caminho deserto, cometeu suicídio. O homem cujo ato desesperado despertou forças que jamais deveriam ter sido perturbadas. Forças que não são deste mundo. Um horror primordial, sem controle, que foi libertado e passou a tomar os sonhos e a realidade das pessoas, inclusive os do menino.

Ele sabia que os adultos não conseguiriam — e não deveriam — compreender os eventos que se desdobravam tão perto de casa. Sua família, ingenuamente envolvida e usada na batalha, estava em perigo, e somente o menino era capaz de perceber isso. A responsabilidade inescapável de defender seus entes queridos fez com que ele recorresse à única salvação possível: as três mulheres que moravam no fim do caminho. O lugar onde ele viu seu primeiro oceano.

Crítica, ou apenas comentários, whatever!

Lembram que, há alguns posts, eu havia dito que estava super ansiosa para ler este livro e blábláblá? Ok, uma lição eu eu aprendi com esse livro é que não devemos levantar muitas expectativas para tudo, porque é mais fácil quebrar a cara do que se surpreender. Então, vou começar a agir normalmente com os livros para poder me surpreender, que é bem melhor do que se decepcionar com algo. 

O que aconteceu foi isso, em 5 palavras: eu não entendi a história. 

Sei que muito provavelmente vai ter gente querendo colocar o meu nome na encruzilhada ou coisa do tipo, mas a questão é que eu estava esperando algo totalmente diferente do que está neste livro. Neil escreve bem demais, a narrativa é ótima, mas o conteúdo me decepcionou. Eu queria um romance, achei que, pelo título, o livro seria algo bem poético, com uma história bonitinha e tals, mãaas...

Embora o personagem tenha seus 7 anos de idade, eu me identifiquei bastante com ele porque ele era apaixonado por livros. Ele dizia toda hora, durante a história, então achei legal isso. Outro ponto positivo, foi que o autor conseguiu mostrar a inocência que uma criança carrega com ela e como é difícil ela lidar às vezes com alguns problemas que nem desrespeitam a sua idade, mas que ainda sim a preocupam. 

"Livros eram mais confiáveis que pessoas, de qualquer forma."

O personagem principal passa por poucas e boas e, muitos desses momentos, ele tem que enfrentar sozinho, pois é difícil para um adulto acreditar em tudo o que uma criança diz, mesmo que algumas delas sejam verdadeiras. Não vou contar aqui a história pra vocês, porque nem sei como dizer sem dar spoilers e o meu ponto de vista não vai ser muito legal e esperançoso para quem quer ler este livro.

"Ninguém realmente se parece por fora com o que é de fato por dentro. Nem você. Nem eu. As pessoas são muito mais complicadas que isso. É assim com todo mundo."

Acredito que eu estava em um momento muito aleatório na minha vida literária e que, por isso, não consegui absorver muita coisa do livro. Muitas das avaliações no Skoob foram bem positivas, então acho que o problema é comigo mesmo. Vou dar uma chance - não sei quando, mas juro que vou! - para relê-lo e quem sabe assim poder enxergá-lo de uma outra forma. 

"Não tenho saudade da infância, mas sinto falta da forma como eu encontrava prazer em coisas pequenas, mesmo quando coisas maiores desmoronavam  Eu não podia controlar o mundo no qual vivia, Não podia fugir de coisas nem de pessoas nem de momentos que me faziam mal, mas tinha prazer nas coisas que me deixavam feliz."

Por enquanto, não indicarei este livro para vocês, mas, quem quiser arriscar, já vou avisando que é preciso ter em mente que não é nenhum romance ou algum livro fraquinho pra gente desestressar. Este é um conto que serve pra refletirmos em certos fatos de nossas vidas e nem sempre isso é agradável. 

E vocês, já leram? Se sim, o que acharam?! Contem para mim nos comentários!

Beijos, 
Caroline. 

29 comentários :

  1. Bom dia e excelente semana!
    Um livro muito bom, bom para tirarmos algumas idéias e sobre nossas vidas num todo!
    Parabens!
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
  2. Adorei! Seu blog é lindo *-*
    bjus e bjus
    http://asgathanas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia o livro. Aliás, não sou fã de livro assim, gosto mais de livros que abrange a adolescência e coisas desse tipo. Sabe?

    Beijos da Fernanda,
    http://fernandamacenablog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Parece bom!
    Adorei a dica!

    http://ericatutty.blogspot.com.br/

    Bjus

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia o livro, Caroline.
    É ruim esperarmos algo do livro e ele ser completamente diferente, né?

    Venha participar do sorteio que esta rolando lá no blog...
    Sorteio Fê Faleiro
    Te espero lá. ; )

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Ain, que decepção!
    Estava com muitas expectativas sobre o livro, mas depois de ler sua resenha não sei se ainda quero rs.
    Fiquei bem interessada qndo falaram dele na turné da Intrínseca, mas pelo que estou vendo foi mais burburinho do que outra coisa.
    Resenha #106 - Uma Proposta Irrecusável - Jill Mansell.
    Confere lá!
    Manuscrito de Cabeceira
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não cai nessa, o livro é maravilhoso! Mas gosto é gosto...

      Excluir
  7. Gente, estou impressionada com o fato de você não ter gostado e foi muito bom ler isso! Realmente estava esperando maravilhas do livro em razão das resenhas que tinha lido até hoje! Bom que agora eu vou com menos sede ao pote para não decepcionar!

    Abraços, Isabela.

    www.universodosleitores.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Adorei o post!
    Vem me fazer uma visitinha: http://www.starfashionmakeup.com.br/
    Beijinhos!!!

    ResponderExcluir
  9. Carol sei como é ficar perdida numa história e no final não entender o livro, já passei por isso, também pensei que fosse romance poético, pelo nome e talz, mas pelo que vc descreveu não é bem assim, não sei se leria o livro, mas vc tá certa não devemos esperar demais de um livro sem antes lê-lo, recentemente li um livro tão descomprometida que o que pensei que fosse ruim, foi muito bom e eu adorei a história :) beeijinhos amiga

    ResponderExcluir
  10. não conhecia esse livro, a capa dele é linda.
    beijos
    http://diario-demim.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Vixi não entendeu a história???
    Então também não vou entender kkkkk não curto muito livros......
    adorei o blog =)

    Beijosss!!!

    ==> Blog Mundinho da Pâm

    ResponderExcluir
  12. A primeira resenha com pontos negativos que vejo desse livro, eu ainda não o li, mas devo confessar que sinto muita vontade. E sobre o lance da galera querer colocar seu nome na encruzilhada (Rsrs) não leve a sério, todo mundo tem seu ponto de visto sobre as coisas, e livros não seriam diferente. Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá, te indiquei uma tag ;)
    http://viajantesdaleitura.blogspot.com.br/2013/08/tags-vamos-responder-10-livros-favoritos.html

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  14. Pois é.
    Não tenho visto resenhas muito positivas!
    Quem sabe um dia eu leia?
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  15. poxa nem sabia desse livros, gostei das resenhas, é bo, ver os dois lados ne (:
    Seguindo, adorei seu blog, retribui visitaa? <3 Aguardo vc...

    pedacosdelembrancas.blogspot.com.br
    Bjbj, Kellen Oliveira

    ResponderExcluir
  16. Achei bem legal sua resenha, você soube se expressar, mas admito que acabou com munha vontade de ler esse livro... E concordo plenamente, o melhor é não criar expectativas para NADA...

    XOXO
    umnovo-roteiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Sério que tu não curtiu muito?
    Eu estou mega ansiosa por essa leitura, amei a capa e as avaliações que vi dele.
    Enfim, sua resenha me deixou preparada para uma possível decepção, mas ainda quero muito lê-lo.

    Beijocas,
    www.segredosentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá Caroline!
    Noooossa, fiquei chateada agora. Sinceramente, odeio quando isso acontece comigo também (e olha que acontece muito ein) de não entender realmente o que a história quer nos passar. Pode achar até engraçado mas passei isso em 'O morro dos ventos uivantes'. Acho que no meu caso, pelo menos, foi porque não me identifico NADA com romances de época. Já tentei, juro que queria aprender a gostar, mas não consegui...
    Quanto ao Neil... Fiquei sabendo que ele tem uma forma diferente de escrita. O que nos faz ter que doarmo-nos um pouquinho mais para seus livros. Estou com ele na estante e pretendo ler em breve. Dê outra chance. Cada livro é um novo conhecimento, uma nova experiência e principalmente uma nova viagem. Temos que sugar tudo o que for possível dele, hhehee

    Beijos,
    Jéssica
    http://www.bestherapy.net/

    ResponderExcluir
  19. Caramba, foi bom ler sua resenha para não ter grandes expectativas sobre o livro, apesar de querer ler-lo logo.
    Também já quebrei várias vezes a minha cara, então eu aprendi uma coisa que eu nunca mais ia criar expectativas e isso está dando certo, outra coisa é não ler muito a sinopse porque conta muito sobre o livro, até dar spoilers as vezes.

    Abs,
    muchachoonline.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Oi :)
    Não conhecia esse livro, mas agora vendo a sua opinião já vou passar distante dele.
    Até por que o enredo dele não me chamou muito a atenção.

    Beijinhos
    Books And Movies
    @BooksAndMovies_

    ResponderExcluir
  21. Eu achei pela sinopse que é bem envolvente, mas não vai pra minha lista no skoob já que você não recomenda.♥

    PiinkCookie.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Não li ainda, mas fiquei chateada só de pensar que não deu pra entender a história. Porém, se as citações foram boas, de repente vale a pena pelos detalhes, heheh
    Beijocas

    ResponderExcluir
  23. Eu estou com esse livro aqui para ler, e fiquei meio desanimada, mas se for pelo menos uma história para se refletir e tirar alguma coisa dele, vai valer a pena. o bom q é bem fininho e dá para ler rápido.
    mas é realmente uma pena quando a gente cria expectativas e o livro nos decepciona.

    http://www.lostgirlygirl.com
    bjos

    ResponderExcluir
  24. Relaxa, nem sempre um livro que a maioria das pessoas gosta funciona pra gente. Às vezes não dá aquele "click", sabe? Já passei várias vezes por isso!

    ResponderExcluir
  25. Menina!! Achei teu blog por acaso!
    Parabéns!

    Me visita também.. em seguida postarei resenha do Oceano.. que estou a ler!

    BJo
    cami
    companhiadepapel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Eu estou lendo atualmente esse livro e digo que para aqueles que não são acostumados com Neil Gaiman simplesmente não vão gostar. Mas, que o cara é um gênio da fantasia ele é.

    ResponderExcluir
  27. Odeio resenhas estilo amo, amo, amo, amo...pra mim não querem dizer absolutamente nada!!! aquela resenhas odeio, odeio, odeio tb não me dizem nada!!!! gostaria de ver mais resenhas criticas e realistas como essa!

    ResponderExcluir
  28. Bem, eu comprei o livro e estou esperando chegar. Mas confesso que não me surpreendeu a sua crítica. Afinal de contas, Gaiman é mestre em nos fazer refletir sobre a vida. Quem leu Sandman, sabe disso hehe. Mas de qualquer forma, parabéns pelo site, gostei muito =)

    ResponderExcluir

Críticas são importantes, até mesmo as negativas! Então, não deixe de criticar por aí!