21 de dezembro de 2011

Resenha: Amor fora de hora

Boa tarde leitores, tudo bem?

Sábado comprei um livro chamado Amor fora de hora, da Katarina Mazetti e, por incrível que pareça, consegui concluir a leitura ontem de madrugada! rs Por isso, trago aqui a resenha para vocês...sem spoilers, claro!

RESENHA

"Tem lugar mais bizarro pra se apaixonar do que em um cemitério? Pois é, o romance da vez começa bem naquele lugar que, particularmente, eu até evito de por os pés! Benny - carinhosamente conhecido como 'lenhador'  e Desirée - a mulher de bege - estavam cada um apostos do lado de seus túmulos quando se conheceram. Na verdade, o túmulo que o lenhador ficava de prontidão era o de sua mãe, que acabara morrendo de câncer e, o da mulher de bege, era o de seu marido Orjan. Sorrisos vão, sorrisos vêm até que um dia eles simplesmente saíram, tiveram relação no apartamento da mulher de bege e depois na casa do lenhador, rs, e então começaram a se encontrar várias vezes. Desirée era bibliotecária, da sessão de livros infantis. Benny era um caipirão, que tinha uma fazenda de 24 vacas mais a prole. Era sozinho. Nunca podia largar a fazenda por mais que 12 horas... Desde sempre, Siri - agora o apelido ficou melhor, claro, a intimidade cresceu - achava tudo isso um choque cultural e ficava confusa em relação ao o que eles tinham, por isso, o romance deles não é algo fantástico e do tipo que você fica deprimida porque sabe que isto quase nunca acontece na vida real, e então, eles viviam brigando, cada um ia para a sua casa e depois de um tempo, voltavam à se encontrar e acontecia tudo de novo. Porém, o que nenhum dos dois tinham realmente percebido era que um não conseguia viver mais sem o outro. É, eles foram pego por aquele bichinho desgraçado chamado 'AMOR'. "

CRÍTICA

"Confesso que estou evitando comprar romances, mas algo nesse livro me atraiu e então o comprei. Quando comecei a ler, disse para eu mesma que, se fosse um romance que me colocaria em depressão, largaria-o na hora! Bom, e ele não é! Na verdade, ele pode até gerar uma depressão, isso porque mostra justamente como o amor é na vida real e o quão difícil pode ser lidar com ele. Duas pessoas vindas de culturas tão diferentes podem ficar juntas? É isso o que você vai descobrir ao ler esse livro. Pelo menos eu consegui tirar minhas conclusões e, quando há amor, a gente acaba fazendo de tudo. Eu amei o final, amei mesmo! Não é o final feliz, mas sim um final realista. O desenrolar do livro é diferente, pois cada capítulo é alternado com um sendo narrado por Benny e o outro pela Desirée. O que acontece são os pontos de vista diferentes da mesma situação! Por exemplo, determinada situação na cabeça de Siri era tãaaao complicada e, para Benny, era super normal. O melhor dessa narrativa é na hora das brigas do casal, pois dá pra ter uma idéia (me desculpem, mulheres!) de como nós mulheres somos complicadas! rs Super indico o livro para todos aqueles que estão cansados de romances melosos e com finais felizes, e claro, que precisam de uma dose de realidade!"


AVALIAÇÃO DO LIVRO


E aí, pretendem lê-lo? Já leram? Se sim, o que acharam do romance 'realista'? rs Preferem os melosos ou aqueles que te dão um tapa na cara para acordar pra vida? Comentem tudinho! *-*

Beijinhos, 
Caroline. 

11 comentários :

  1. Oi linda, gostei do teu blog. Ain deve ser bem interessante esse livro, vou ver se compro..
    www.tutticharming.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Tudo bem??
    Vim agradecer o carinho e a sua visitinha
    Bjiim

    www.esmaltechic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. O livro é realmente bem interessante! *-*

    Obrigada pela visita de vocês :3

    beijos,
    Caroline.

    ResponderExcluir
  4. Não conheço esse livro e no momento n estou lendo romances, mas esse me deixou intrigada.
    Parabéns pela resenha.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi Carol!

    Achei fofinho o livro!
    Eu gosto de romances realistas rs
    Por exemplo, o final do meu livro não agrada muito gente, mas cada história tem sua forma de se desenrolar né?

    Amei sua resenha!

    Bjks

    ResponderExcluir
  6. bateu uma vontade d comprar hahah
    tenho q me controlar, ando meio impulsiva para livros rsrs


    diferente como começa... num cemitério.
    d começo parece meio sinistro mais quando terminei d ler a resenha e seu comentário parece ser fantatisco.

    ta ai mais um livro q vc querer s2

    www.coisascoisinhasminha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. oi, tem sorteio no blog, participa lá http://coisascoisinhasminha.blogspot.com/2012/02/sorteio.html bjs

    ResponderExcluir
  8. Li o livro em uma tarde....quando terminei meu coração estava apertado. Como um amor pode brotar em pessoas tão diferentes....simples o amor não tem hora!!! Você torce pelos dois ao mesmo tempo que se pergunta porque ainda estão juntos? Simple eles se amam mais as diferenças são grandes e este amor não é de conta de fadas...mais no final ficamos nós perguntando se o livro terá continuação...porque fica aquela vontade de saber o que aconteceu depois????

    ResponderExcluir
  9. Eu adorei o livro. O final para mim foi legal mas, queria saber o que houve, se ela conseguiu engravidar ou se foi cada um para o seu lado.
    [Não querendo ser spoiler] Quando ela comentou o que houve com Marta e Robertinho, uma hora ele fala que os homens não são todos iguais, que ele é diferente. No final do livro, ela propõe que eles durmam juntos pela última vez sendo que ele está compromissado com Anita. Ele chega a pensar que se aceitar ele fará com Anita o que Robertinho fez com Marta mas aceita e acaba aí. Agora fica a pergunta: Ele acabou se igualando a Robertinho? Então pode-se concluir que sim, todos os homens são iguais? E será que o amor era mesmo verdadeiro pois, ela que se dizia de esquerda, preferiu não abrir mão da sua vida "burguesinha"?
    Enfim, deixo as perguntas lançadas ... se alguém quiser responder [concordar ou descordar] sinta-se a vontade.

    ResponderExcluir
  10. Parece ser legal quem sabe eu leia.

    Beijos

    www.blogdagi1.blogspot.com.br
    www.refugio-critao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Eu não amei o livro nem de longe, mas curti. achei uma leitura bem gostosa, embora o final tenha me deixado com sensação de faltando algo.
    Linkei sua resenha na minha
    http://liliescreve.blogspot.com.br/2012/08/amor-fora-de-hora.html

    ResponderExcluir

Críticas são importantes, até mesmo as negativas! Então, não deixe de criticar por aí!